top of page

Faz sentido escrever em Inglês quando estamos a produzir conteúdo para as redes sociais?

Para dar resposta a esta pergunta temos de começar por estabelecer e definir o publico a quem nos estamos a dirigir.


Se estamos a comunicar com um público local ou regional, é importante usarmos a língua materna ou o idioma local porque isso permitirá que a comunicação seja mais clara e acessível e porque também irá contribuir para fortalecer a conexão cultural e linguística com a comunidade a quem nos queremos dirigir.


Se estivermos a comunicar com um público global ou internacional, poderá ser necessário utilizar o inglês, para alcançar uma audiência mais ampla e diversa.


Para além disso, é importante considerar a cultura e as normas linguísticas do idioma, ou seja, em alguns países e culturas, o uso de abreviações e gírias poderá ser comum e aceitável em comunicações informais, enquanto que noutras culturas poderá ser visto como pouco profissional ou desrespeitoso.


Escrever utilizando a língua materna é a maneira mais eficaz de comunicarmos as nossas ideias e os nossos pensamentos de forma clara e precisa. A língua materna é aquela que aprendemos desde a infância, e é natural que tenhamos maior fluência e facilidade em nos expressarmos através dela.

Ao escrever na língua materna, teremos:

  1. um maior domínio sobre o vocabulário,

  2. domínio da gramática e da sintaxe,

  3. capacidade de criar textos mais elaborados e coerentes.


Além disso, a língua materna é aquela que usamos no nosso dia a dia, nas nossas interações sociais e profissionais, tornando-a mais familiar e acessível.


Quando optamos por escrever num outro idioma ( por exemplo o inglês) afastamo-nos do nosso público, da autenticidade e dos afetos da linguagem. A falta de familiaridade com o idioma poderá levar, não só, a erros gramaticais, como também ao distanciamento do público com quem gostaríamos de ter conversado.


Outra vantagem de escrever na língua materna é que ela carrega consigo a nossa cultura e identidade. Cada língua tem as suas próprias expressões, ditados e referências culturais, e ao escrever na nossa língua materna, podemos transmitir esses elementos de forma mais autêntica e precisa.


Além disso, escrever na língua materna pode ser uma forma de preservar a língua e a cultura de uma determinada região ou país. À medida que mais pessoas usam uma língua estrangeira em detrimento da língua nativa, corre-se o risco de que a língua materna se torne obsoleta e desinteressante.


Em resumo, se o nosso público é português, escrever em português é fundamental para:

  1. Comunicação eficaz: Escrever em português permite uma comunicação mais eficaz e clara, permitindo aos leitores entender as mensagens sem dificuldade.

  2. Conexão cultural: Escrever em português ajuda a manter e fortalecer a conexão cultural entre a comunidade. A língua permite -nos ter contacto com a cultura, com as ideologias, com as identidades, tornando-se um instrumento em que podemos interagir linguística e socialmente com os outros.

  3. Acessibilidade: A língua portuguesa é a língua materna de Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, entre outros, por isso, escrever em português permite atingir um público mais amplo.

  4. Maior alcance: Ao escrever em português, as mensagens podem ser facilmente compartilhadas e disseminadas pela comunidade de língua portuguesa nas redes sociais.

  5. Expressão pessoal: Escrever em português permite que que nos expressemos de forma mais precisa e autêntica, sem a barreira da língua estrangeira.

  6. Menos erros: Escrever em português reduz as possibilidade de erros gramaticais e ortográficos, garantindo a qualidade das mensagens.

  7. Melhor compreensão: Escrever em português permite que o público compreenda as mensagens de forma mais fácil e rápida, sem a necessidade de tradução.

  8. Valorização da língua: Escrever em português valoriza a língua e a cultura portuguesa, ajudando a preservá-la e a promovê-la para as futuras gerações.



9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page